Criei o espaço para publicar minhas idéias, digo poemas, apenas pensamentos espremidos até formarem versos. Puramente leigo, mais um diário que qualquer coisa.

Uma descrição do que passa por mim e do que fica, meu ponto de vista que é bastante restrito, desse tecido tão interessante, a alma humana.

Espero que apreciem a visita.


Todas as imagens são da internet e de propriedade dos respectivos sites.

sexta-feira, 25 de março de 2011

Sintonizando

O seu sorriso perfeito
som do seu riso a soar
Tira meu tom, transforma
troando no ar tilititar

Cor desse olhar, cintilar
condena-me a contemplar
abraço aperdado, antecipa
aguardado beijo almiscarado

Algo no tom do teu corpo
vibrou a corda do coração
frequência gêmea da canção
Ondas opostas gerando som

O medo dissipa no teu aperto
O calor aquece meus temores
tudo suspenso num fio tênue

O balanço da maré, a lua
Um poema perdido no vento
Teu coração em movimento

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget