Criei o espaço para publicar minhas idéias, digo poemas, apenas pensamentos espremidos até formarem versos. Puramente leigo, mais um diário que qualquer coisa.

Uma descrição do que passa por mim e do que fica, meu ponto de vista que é bastante restrito, desse tecido tão interessante, a alma humana.

Espero que apreciem a visita.


Todas as imagens são da internet e de propriedade dos respectivos sites.

domingo, 22 de agosto de 2010

A urna do passivo versus ativa

Tão mofado está o sentido
o coletivo todo embotado
não se vê além do riso
se não for bom, pro lixo

Pensar é passado, tempo perdido
agir no presente, contanto que
seja apenas para auto-benefício
ou vira imperfeito particípio

Se aparecer na mídia vote.
Contestar é pra acomodados
incomodado... que trabalhe!
uma vaia aos incomodados.

Se quiser ser honesto aparecer
faça piada, fale muita besteira
Vai ter gente vendo, moscas
Elas sempre chamam as outras.

Mas votos? Bem simples então
depois do show, os bastidores
você se vende ao normal jargão
perca identidade, ganhe partido.

Por que tentar ser fiel aos ideais
pode ser usado contra no porvir
sejam simples e sem sentido, ou
concretas e com efeitos reais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget